Press "Enter" to skip to content

Limpar garagens: é hora de limpar a garagem de sua casa!

Wegho

A garagem é uma das divisões mais sujas e desarrumadas. É aquele espaço onde tudo o que não tem um lugar definido vai parar, daí ser muito fácil acumular sujidade e tralha desnecessária. No artigo de hoje vai aprender a organizar e a limpar garagens com as dicas da Wegho.

É hora de pôr ordem na garagem lá de casa!

Quem tem garagem sabe que esta é a divisão mais difícil de manter limpa e organizada. Funciona como um armazém multiusos, onde vai tudo parar para “depois” ser arrumado – a verdade é que nunca é arrumado e a desorganização cresce a passos largos.

Assim sendo, este processo divide-se em duas grandes partes: organizar materiais e limpar garagens.

Como organizar todos os materiais?

– Separação

Para se ver livre do caos e da desarrumação, comece por retirar tudo o que tem na garagem. Só assim vai conseguir perceber o que quer ou não manter. Pode até fazer três separações: o que vai manter na garagem, o que não vai manter e o que vai manter, mas noutra divisão.

O que não for necessário guardar, coloque no lixo, venda ou ofereça a alguma instituição. O que vai manter, mas não na garagem, aproveite para levar já para os locais a que pertencem os objetos.

Distribuição

Quanto aos materiais que vai manter na garagem, vamos começar por dividi-los em categorias. Dependendo dos objetos que aqui tem, pode distribuí-los por: automóvel (ferramentas, peças, óleos, produtos de limpeza automóvel, filtros), lavandaria (detergentes, amaciadores, capsulas), campismo (tenda, fogareiro, sacos de cama, lanternas), desporto (bolas, raquetes, patins, capacetes), limpeza (detergentes, baldes, esfregonas, vassouras, aspirador), decorações (de Natal, Halloween, Carnaval, Páscoa, outono), obras ou manutenção e reparação (ferramentas, tintas, cimento, silicone), entre outras opções.

O mais importante é dividir a sua garagem de forma a conseguir atribuir um local específico para objetos que façam parte de uma determinada categoria, criada mediante as suas necessidades.

– Organização

Uma vez que já tem todos os objetos divididos por categorias, escolha um espaço, na sua garagem para cada categoria. Por exemplo, a categoria de limpeza e de lavandaria podem ficar lado a lado. Assim como a categoria de desporto e campismo ou automóvel e obras/reparação e manutenção.

Esta divisão deve ser feita com base nas necessidades da sua família, de forma a que faça sentido com o vosso estilo de vida quotidiano.

Após esta divisão, é hora de organizar todos os objetos. O nosso truque é recorrer a caixas de plástico transparentes, para conseguir ver imediatamente tudo o que se encontra dentro das caixas, estantes abertas ou suportes de parede, para colocar as ferramentas, escadas ou as bicicletas, por exemplo.

Não se esqueça de colocar etiquetas com a categoria e descrição dos objetos de cada caixa, para ser mais fácil saber o que está dentro das caixas, sem ter de as abrir e vasculhar uma a uma.

Como limpar garagens?

Para além da desorganização, a sujidade pode teimar em não desaparecer da garagem. Encontramo-nos rodeados de pó, marcas de pneu, óleo, tinta e tantas outras marcas espalhadas pelo chão, paredes e teto.

– Paredes e teto

Vamos iniciar a segunda grande fase do processo de organizar e limpar garagens pela limpeza do teto e das paredes.

Com uma vassoura ou um aspirador de pó, retire a sujidade do teto e das paredes, incidindo nos cantos. Se a tinta aplicada for lavável, passe uma esponja ou um pano macio, humedecido em água e sabão neutro, por toda a superfície.

Se verificar que o teto e as paredes apresentam sinais de mofo, coloque um pouco de vinagre branco num borrifador, aplique na superfície e deixe atuar por uns minutos. Depois, com um pano húmido, limpe a área com cuidado, para não espalhar o mofo para as áreas limpas.

Também poderá gostar de ler: Pintura – saiba como e quando deve pintar tetos e paredes

– Chão

Os pavimentos são a parte mais complicada de limpar garagens. Se o chão for em cimento, como grande parte das garagens, este absorve óleo e manchas gordurosas e acumulam qualquer sujidade que venha da rua. Vamos começar!

Com o aspirador ou com a vassoura de cerdas resistentes, retire o pó e a sujidade superficial do chão. Depois, lave-o com uma solução de limpeza multiuso misturada com água e enxague com a ajuda da vassoura. Esfregue bem as zonas com manchas e os cantos, onde grande parte da sujidade fica acumulada.

Por fim, passe água limpa por todo o chão, com recurso a baldes ou a uma mangueira, para facilitar o processo.

A Wegho aconselha a limpeza mensal ou bimensal da sua garagem para evitar acumular sujidade e outras impurezas que podem, inclusive, danificar os seus veículos e objetos guardados.

A Wegho é a ajuda que precisa para organizar e limpar garagens!

Uma vez que limpar garagens é um processo bastante complexo, pela dimensão do espaço, assim como pela dificuldade em retirar toda a sujidade acumulada, recorrer a ajuda de profissionais pode ser a melhor opção.

A Wegho possui uma equipa de profissionais com experiência em limpeza de manutenção e profunda, preparada para limpar garagens e qualquer outra divisão. Os materiais e produtos de limpeza ficam da responsabilidade da equipa destacada para o serviço, pelo que não terá de se preocupar com nada.

Pode consultar todas as informações referentes a este serviço no website da Wegho, agendar o serviço que mais o agrada e, depois, é só usufruir da sua garagem limpa, organizada e cuidada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *