Press "Enter" to skip to content

Produtividade: Dicas para ser mais produtivo

Wegho

Num mercado cada vez mais competitivo, as empresas e os próprios profissionais procuram manter-se sempre motivados e produtivos. Contudo, isso nem sempre é possível.

Sente que os seus níveis de produtividade já tiveram dias melhores? Não desespere! A Wegho vai ajudá-lo a ser mais produtivo em poucos passos.

Dicas para aumentar a produtividade

1. Crie um ambiente propício

O ambiente de trabalho influencia grande parte da sua produtividade, desempenho e criatividade. A título de exemplo, profissionais com funções mais criativas, para se sentirem mais estimulados e produtivos, necessitam de espaços de trabalho mais amplos, com zonas de lazer para descansar a mente, uma decoração mais colorida, ao contrário dos escritórios convencionais cinzentos, etc.

Manter um escritório limpo, organizado, acolhedor, bem iluminado e estimulante é meio caminho para aumentar a produtividade de qualquer profissional.

2. Planeie e priorize as suas tarefas

Não saber o que tem para fazer acaba por atrasar todo o seu trabalho, levando a um decréscimo da produtividade. Isto porque, no tempo em que poderia estar a realizar uma tarefa, ainda se encontra a tentar descobrir quais as tarefas pendentes.

Faça uma lista de tarefas, atribua prazos e identifique os assuntos mais urgentes. Desta forma, conseguirá criar um calendário semanal ou mensal, identificar a ordem pela qual as tarefas devem ser desempenhadas e terá uma visão mais global do seu trabalho.

O mesmo se aplica às tarefas domésticas. Pode criar um calendário de limpeza para gerir melhor o tempo dedicado aos cuidados da casa.

3. Delegue tarefas

Uma das principais causas de níveis de produtividade reduzidos é a acumulação de tarefas. Assim sendo, é fundamental saber identificar o momento certo para delegar tarefas.

Avalie a lista de tarefas que tem para fazer e delegue aquelas que não dependem de si, isto é, que podem ser realizadas por outra pessoa. Assim, consegue dedicar o seu tempo a assuntos mais importantes e que apenas podem ser tratados por si.

Em casa, por exemplo, distribua as tarefas domésticas por todos os membros. Dedique-se àquelas que dependem exclusivamente de si. Verá que não se sentirá tão aborrecido e que consegue ver-se livre das lides domésticas rapidamente.

Se verificar que esta solução não é a mais viável, opte por contratar uma empresa de serviços de limpeza doméstica, como a Wegho. Basta especificar o serviço pretendido e a equipa de profissionais da Wegho trata de tudo.

Aproveite o tempo que gastaria nestas tarefas e dedique-o a assuntos mais importantes ou a momentos de lazer e descanso.

4. Seja organizado

A desorganização é outro fator que diminui drasticamente os níveis de produtividade. Manter tudo organizado faz com que as tarefas sejam mais fáceis de identificar e realizar.

Arquive todos os documentos num único local, para evitar perder tempo à procura dos mesmos, mantenha a sua agenda ou calendário organizados, para não perder tempo em tarefas menos urgentes ou para não incumprir os prazos de entrega, ou organize o seu computador para saber em que pasta está cada ficheiro, por exemplo.

5. Faça pausas e descanse

Não é possível manter-se produtivo quando não se alimenta nem descansa adequadamente. O cansaço físico e psicológico é o principal inimigo da produtividade. É importante saber parar!

Mesmo os profissionais mais produtivos passam por momentos de quebras de criatividade e produtividade. Logo, é fundamental fazer pausas e descansar. Durma as horas diárias recomendadas, desligue a sua mente do trabalho durante as férias e não salte as pausas para refeições, de manhã, ao almoço e durante a tarde.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *