Decoração,  Dicas da Wegho,  Gestão e Organização,  Manutenção e Reparação,  Saúde e Bem-Estar,  Wegho

Saiba como deve cuidar das plantas interiores

As plantas de interior são elementos bastantes importantes para a harmonia de um lar. Desengane-se se acha que são elementos meramente decorativos! Estas são uma fonte de renovação e purificação de ar, uma vez que, através da fotossíntese absorvem o dióxido de carbono e libertam o oxigénio que necessitamos para respirar. Deste modo, é fundamental que saiba como cuidar das plantas interiores.

Para que as plantas de casa desempenhem, corretamente, a sua função há alguns hábitos que deve ter em conta:

1- Escolha um local adequado

Com tanta diversidade de plantas é normal que haja uma enorme variedade de cuidados diferentes, por exemplo: umas necessitam de luz solar abundante, outras nem tanto, umas precisam de ambientes mais húmidos, outras de ambientes secos, etc.

Antes de adquirir uma planta para sua casa, deve informar-se junto do vendedor ou até mesmo da “embalagem” da planta os cuidados necessários. De um modo geral, a informação acerca da exposição solar, temperaturas e sistema de rega vem descrita no rótulo do vaso.

Se a planta escolhida, necessita de muita luz solar, coloque-a no local da casa onde há maior exposição solar. No caso a sua casa não tenha muitas áreas com luz natural, opte por plantas que não exijam tanta exposição.

2- Troque a planta de vaso

Geralmente, quando compra a planta acaba por comprar, também, o vaso que a acompanha. No entanto, este vaso não deve ser o definitivo!

Quando encontrar o local ideal para colocar a planta, aguarde cerca de 1 a 2 semanas. A planta precisará deste tempo para se adaptar às novas condições atmosféricas e começar a crescer de forma saudável. Para que este crescimento seja saudável e visível, é recomendado que troque de vaso e encontre o substrato adequado. Arranje um vaso novo e encha-o com o substrato até meio, depois coloque a planta e preencha o restante espaço com terra. Dica: A raiz nunca deve ficar na base do vaso, uma vez que limita o espaço e impede a sua normal evolução.

3- Certifique-se que há drenagem

O processo de drenagem nas plantas é crucial para o seu desenvolvimento. Consequentemente, caso contrário, as raízes vão apodrecer e a planta murchará lentamente.

Portanto, para que isto não aconteça, com a sua nova planta, certifique-se que tem todas as condições asseguradas. Aquando da troca do vaso, opte por um vaso que tenha pequenas aberturas na base. Assim, a água em excesso poderá escorrer sem que os nutrientes sejam perdidos.

4- Excesso de água

Sabia que há mais plantas que morrem por excesso de água, do que pela falta dela? É importante que aprenda a ouvir a sua planta. Há alturas em que a exigência de água é maior do que outras.

De forma a perceber se a planta está a precisar de água, coloque o dedo sobre a terra e verifique se está seca ou húmida. Se estiver húmida, veja, novamente, no dia seguinte. Não se esqueça, a água deve ser distribuída de forma igual por todo o vaso, para que esteja acessível a todas as raízes.

Os 3 erros mais comuns cometidos com as plantas de interiores:

  • Excesso de água, ou rega desadaptada à necessidade;
  • Colocar as plantas sujeitas a grandes alterações de temperatura (perto do ar condicionado ou aquecedores;
  • Deixar as plantas nos vasos originais, impedindo o desenvolvimento das raízes.

Uma vez que, agora sabe como cuidar das suas plantas interiores, ponha mãos à obra! Procure, informe-se e escolha as plantas que melhor se adequam à sua casa. É uma boa ideia, introduzir a manutenção das suas plantas na lista de tarefas domésticas.  No entanto, se acha que esta nova tarefa doméstica lhe vai “roubar” mais tempo para as outras, não se preocupe! 

A Wegho, conta com uma equipa 100% disponível para o ajudar com a limpeza de sua casa.  Prometemos-lhe que cuidaremos da sua casa, como você cuidará das suas plantas: com amor e muito carinho!

%d bloggers like this: